A palavra é vocação!
“A vontade de Deus com alegria, com confiança, com amor... sempre. Nós somos uma nada, mas este nada pode fazer a vontade de Deus e tornar-se onipotente” “O Mestre está aqui e te chama: pense sempre no chamado do Senhor e esteja pronta; Ele está sempre presente na sua vida”. Dom Raffaello Delle Nocche
Na Igreja do Brasil o mês de agosto, de forma especial, é todo ele um convite a refletir a respeito das mais variadas maneiras de serviço que Deus nos chama a oferecer à Comunidade. Vocação é resposta ao chamado que Deus dirige a nós: Eu preciso de você. Deus faz-se colaborar pela pessoa humana para continuar realizando na história todo o seu desejo de salvação e de libertação para que a pessoa tenha cada vez mais vida. Somos, assim, chamadas a ser colaboradoras de Deus para que a vida aconteça em nosso meio. Aquele que responde " SIM " a este chamado de Deus, torna-se ajudante de Deus na edificação do seu reinado no mundo. O Reino de Deus já foi inaugurado no meio de nós com a ação salvadora de Jesus em meio a nós. Mas, ao mesmo tempo, o Reino de Deus é uma realidade dinâmica, em construção na história. Em todos os tempos, contando com a colaboração de homens e mulheres, Deus encontrou uma maneira de continuar alargando seu reinado na vida das pessoas. Somos seus instrumentos para que seja constituída a justiça, garantido o direito e dignificada a vida das pessoas. Deus quer contar conosco para que a salvação continue acontecendo na vida dos seres humanos. Ele quer precisar da nossa humilde colaboração chamando-nos a nos juntar á imensa fileira dos que sonham com o seu reinado alargado sobre a terra. Na Bíblia não nos faltam exemplos de pessoas semelhantes a nós mas com um diferencial significativo: Diante do chamado de Deus, souberam abrir bem os ouvidos e o coração e colocaram-se numa atitude de disponibilidade para o serviço: “ Eis-me aqui, Senhor, envia-me! ” Assim, vemos uma fileira de homens e mulheres que colocaram seu ser a serviço de Deus: Abraão e Sara, Isaac e Rebeca, Jacó, Lia e Raquel, José, Moisés, Aarão e Miriam, Ester, Rute, Jeremias, Isaías, Oséias... Maria, Isabel, Pedro, Filipe... Jesus de Nazaré ... Paulo, Priscila... Dom Hélder Câmara, Madre Teresa, Ir. Dulce, João Paulo II... Todos estes, homens e mulheres, permitindo que seus corações pulsassem ao ritmo do coração de Deus, assumiram pela história de cada homem e mulher de seu tempo, um amor apaixonado e cuidadoso, a semelhança do amor de Deus, colocando sua vitalidade e sua energia a serviço, na alegria. Peçamos a intercessão destes nossos modelos, a fim de que nós tenhamos a coragem de nos deixar inspirar por eles e assim, saibamos assumir a nossa parcela de colaboração com Deus no hoje da nossa história. Eles já fizeram a sua parte: a nós, cabe ainda realizar aquilo que nos compete. CORAGEM!!! Vamos lá! O Deus que nos chama, juntamente com o convite, nos dá também todas as condições e os meios de que necessitamos para realizar a missão. Podemos contar com a sua graça que nos sustenta e nos indica o caminho. Que o Senhor nos conceda a graça de poder rezar: “ A cada manhã o Senhor Deus me desperta...Ele abriu-me os ouvidos para que eu ouça como discípulo... e eu não fui rebelde... ” (Is 50,4) Como o Apóstolo Paulo, coloquemo-nos com o coração atento diante de Deus e perguntemos: “ Senhor, o que queres que eu faça? ” Fiquemos atentas à resposta e não tenhamos medo de ouvir o que Deus tem a nos comunicar.